A melhor resistência é aquela que não se pode segurar entre os dedos

Todos vêem nossa aparência, poucos sentem o que realmente somos, não tente supor quem sou se não sabe quem vc é ..

segunda-feira, 1 de outubro de 2007

Aquário

Gota de orvalho desce minha face,
a procura de alento...
lento leva meu toque suave,
Contraste de uma frágil tentativa,
dum erguer de muralhas translúcidas,
donde mínguo,
de onde aprisiono algo sofrível,
inconstante, vivo!
Interpreto um opaco que se move –
entre amarras
na tentativa de submergir o que me sufoca,
subtraiu possibilidades de alegria
de também vida!

2 comentários:

Ла disse...

wow...
^^.

Agora q vc tem um blog tb, vou sempre dar uma passadinha por aqui :)
te linkei no meu :)
bj

Mony disse...

gostei do texto!!
tem um pouco do meu momento, sei l�..gostei!! ^^

e tbm, gosto dos teus textos...

bjuus